17 abril 2012

0

Mercado Persa 2012 - A estrela Claudia Cenci + Entrevista


No Mercado Persa deste ano foi possível assistir a dois extremos da dança: de um lado Saida e Romina Maluf, ícones do estilo argentino com suas pernas altíssimas e ondulações contrárias com acentos de deslocar a coluna, e do outro lado o extremo do tradicionalismo sem perder a essência e a beleza: Claudia Cenci.

Cláudia Cenci tem 22 anos de experiência em dança do ventre. Em 2001 já era uma bailarina reconhecida nacionalmente quando foi convidada pelo diretor Jayme Monjardim para fazer a preparação do elenco da novela "O Clone", exibida em 2001 pela Rede Globo - grande sucesso da TV, exportado para 91 países, e que, inclusive foi "requentada" pela Telemundo da Colômbia e virou "El Clón" (odeio novelas colombianas, mexicanas e afins...). Nesse trabalho de preparação, Cláudia Cenci ministrou aulas para as atrizes Giovana Antonelli, Letícia Sabatella, Eliane Giardini e Carla Diaz para as performances em cena, e também convidou bailarinas de todo país para fazer participações nas inserções de dança do ventre na novela. Ela própria chegou a fazer uma pequena participação na novela. 

Letícia Sabatella e Cláudia Cenci

Também em 2001 lança o livro "A Dança da Libertação" pela editora Vitória Régia que, com textos de linguagem simples e acessível, busca sensibilizar o grande público em relação aos movimentos praticados na dança, às diversas modalidades, e contando um pouco da riquíssima história dessa arte milenar. 



Apesar do sucesso estrondoso da novela, que motivou a abertura de um sem número de escolas de dança em todo o país, em 2002, Cláudia Cenci se muda para Madrid na Espanha, iniciando uma nova fase em sua vida, vivendo na Europa, abre uma escola de dança, e em pouco tempo já é reconhecida nacionalmente na Espanha. 

Em 2010 muda-se para o Egito onde está até hoje. Atualmente dança em eventos particulares no Egito, e é proprietária da grife "BellyChic" que traz uma proposta diferente e inovadora para figurinos de dança - ao invés de quilos e quilos de strass a Bellychic traz tecidos exclusivos de diferentes partes do mundo e aplicações em peças antigas.

O estilo de dança de Cláudia Cenci é T.R.A.D.I.C.I.O.N.A.L. Ponto! Se você gosta das bailarinas antigas, como Samia Gamal, Taheya Karioka (aliás, quando eu assisto a Claudia, a única palavra que me vem à cabeça é khawanin) que usavam, além dos passos típicos muito charme e graciosidade, com certeza você irá gostar muito da dança de Cláudia Cenci. Longe de ser básica, ela representa uma geração de bailarinas que aprendeu a dança de uma forma quase intuitiva, além, claro, da orientação em sala de aula, e por isso sua dança não é "contaminada" por nenhum estilo que não seja o dela própria. E isso é lindo demais de se assistir.

Sendo ela a maior estrela do Mercado Persa 2012, não pude deixar de entrevistá-la. Apesar do furor, de uma fila ENOOOOORME de pessoas querendo fazer fotos, ela foi muito delicada em conceder essa entrevista para o Amar el Binnaz, onde conta sobre sua experiência na novela, sua mudança para a Espanha, sobre o estilo de dança que se pratica no Brasil e sobre a grife. 



****************************************************************************

BellyChic - Figurinos Exclusivos para Dança do Ventre


Atendendo ao pedido da Cláudia, estou postando abaixo as fotos dos figurinos de sua grife BellyChic para que vocês conheçam o trabalho. Infelizmente as fotos não fazem justiça à beleza dos figurinos ao vivo. Assistindo às apresentações da Cláudia, percebo o quanto faz diferença um tecido bonito, uma flor bem colocada, uma jóia diferente.  As roupas são lindíssimas e os figurinos são exclusivos.

Clique no slideshow abaixo para visualizar todas as fotos.




E vocês, o que acharam????

E amanhã: os comentários sobre os CONCURSOS do Mercado Persa... xíiii... Nitroglicerina pura!!

Beijos a todas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mentes que pensam e fazem os outros pensar!!! Muito obrigada pelos seus comentários.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...