17 outubro 2011

18

Festival Nacional Shimmie: Um ótimo espetáculo, grandes apresentações e gostinho de quero mais...



Organizar um evento é algo extremamente trabalhoso, desgastante e complicado. Em uma primeira experiência incluir workshop com uma mestra internacional, e outros mestres nacionais, concurso de dança, concurso de beleza, desfile de ateliê e ainda lidar com a logística de hospedagem das participantes é algo absolutamente grandioso. Mas não assustador para a equipe da Revista Shimmie que não se intimidou diante da grandiosidade do projeto. O resultado foi um evento glamouroso que dominou os subjects no Facebook hoje. 

Não pude assistir os concursos dos grupos, cheguei pouco antes do concurso de beleza "Divas". O concurso foi um pouquinho diferente do que eu esperava, eu queria que as concorrentes usassem mais passos de dança no desfile, já que é a beleza ligada à dança. Porém, a porção dança estava reservada aos figurinos exclusivos Simone Galassi que elas desfilaram. O resultado vcs conferem abaixo: 

Fonte: Facebook Shaina Nur

Durante o concurso, tive a grande honra de ficar de tradutora para a mestra Farida Fahmi, muito simpática e compreensiva! É, meu inglês funciona menos ainda quando estou muito emocionada. 


A única pessoa que vi ganhar um "VEEEEEEEEERY NICE" da Farida foi Esmeralda com o solo de percussão. Se a mestra ficou impressionada, imagina eu!!! Belíssimo solo!


Em seguida, assisti o espetáculo "Dançando com o tempo" até a metade porque estava de carona. Adorei a interpretação que a Rhazi fez da Shahrazad, as "holísticas" Suheil, Tati Lamas e Sahira Fatin, a tangueira Danna Gama, o "meio-a-meio" tribal da Giuliana Scorza... até o momento que assisti foi um espetáculo MUITO, mas muito bacana. Minha única crítica era a movimentação do corpo de baile que sentava no palco, descia do palco, ia pra direita, ia pra esquerda... achei que poluiu um pouco o intervalo das apresentações. No restante foi incrível. 

Os vídeos estarão no final do post.

O domingo foi reservado aos concursos Amador e Profissional e à festa de encerramento do Festival. Eu estava torcendo pela Mayrinha, mas uma bailarina da Paraíba roubou meu coração dançando "Nesma" do Sayed Balaha (embora ela tenha cortado a parte mais legal da música, mas abapha). Qual não foi minha surpresa ao descobrir que ela PROFISSIONAL! Ui.... O importante é que a justiça foi feita, e hoje durante o dia a Mayra Mello foi declarada vencedora da Categoria Amadora. 

E a categoria profissional hein... Só te digo uma coisa: depois que a Cristal saiu do palco, eu só consegui levantar meu queixo do chão depois de meia hora. AFFFF Maria, é muita dança. Vitória indiscutível e merecida. 

A organização do evento optou por divulgar os resultados antes  da Festa de Encerramento, o que fez muita gente ir embora e o que aconteceu? Embaixo das cadeiras haviam cupons com prêmios, então, antes da festa houve uma caça ao tesouro!!! Quem não ficou PERDEU!! Eu ganhei um convite para o show de Hossam e Serena Ramzy, que não poderei utilizar porque tenho compromisso na data. Lógico que vai ser sorteado aqui pra vocês. 

E o show foi tãaaao bonito gente! Apresentações inspiradas de Flora Pitta, que dançou Enta Omri lindamente, de Suheil, de Esmeralda e da Diva das divas Lulu que toda vez dá uma verdadeira aula de técnica e emoção!!! 

Masssss.... tá tudo aqui amor!! Claro que filmei tudo o que pude pra mostrar pra vocês. Quero comentários hein!!!























Beijos a todas!!!!

18 comentários:

  1. Oi Verinha, vou ser a 1a a falar, e provavelmente a mais chata!!!

    O show pra mim teve dois grandes poréns, que na minha opinião comprometeram bastante(falo do show, pq foi só o que assisti, não tive dinheiro pra ir ao restante do evento)
    1o. como vc bem frisou, o "corpo de baile" que as vezes parecia perdido no caminho, e ficava como um apêndice estranho entre as performances!!

    2o. o espaço do show!!! Só ficou feliz mesmo qm como vc, sentou na frente, pq eu, da 6a fila, só via as cabeças de qm estava dançando, e a partir da 3a dança, fiquei em pé, na frente da caixa de som, fiquei surda, mas consegui ver!! O espaço tbém era pequeno pra grupos como o da Ana Claudia e da Fatima Braga, que tiveram que dançar no chão, pq não cabiam no palco, nessa hora que as pessoas não conseguiam ver nada meeeesmo!!!

    Acho que eles tem cacife pra fazer o melhor evento internacional do Brasil, pois contam com a colaboração de gente muito boa e competente, teve um concurso sério, com premiação justíssima(o que é bem raro) e qm fez as aulas disse que foram excelentes, por isso torço bastante que melhorem esses aspectos, pq aí sim, sera um evento perfeito!!

    ResponderExcluir
  2. Gostei bastante de tudo o que eu vi aqui Verinha!
    Se o restante dos acontecidos do festival manteve o mesmo padrão, é pra botar os outros eventos do mesmo tipo na linha, pq chega de desordem e falta de profissionalismo nos velhos e conhecidos festivais.
    Pra variar, amei a Esmeralda. O reconhecimento dela como uma gde e excelente artista demorou mas chegou, merecidamente ;)
    Bjs,
    Van.

    ResponderExcluir
  3. Uma pena morar no Rio..mas ainda bem que existem blogs rs

    Essa proposta de mostrar a trajetória da dança no Brasil foi muito boa. Me apaixonei e quis ir muito por causa disso, além das bailarinas de nome que iam participar e que queria assistir. Na verdade era junção desses dois elementos. Tinha que dar certo. Lá no blog acabei fazendo uma crítica aos eventos de dança do ventre, mas como disse no final, está mudando e de pouquinho e pouquinho vai acabar ganhando o grande público por causa da qualidade que vem sendo agregada a cada experiência. Isso é o que eu mais desejo hoje para esta dança.

    A Rhazi Manat ficou ÒTIMA de Sharazad! Não conheci a Sharazad, mas sei lá..me transportou para uma época. Ótima coreografia e interpretação. A dança do ventre holística também conseguiu me levar para uma época. Muita qualidade. Pena que, como umas pessoas disseram, não dava pra assistir de todo ângulo as apresentações. Inclusive nas filmagens em que as dançarinas estão no chão, dá pra perceber o quanto isso deve ter sido problemático - aí é aprender e melhorar ano que vem. De todo modo, a proposta e a execução foram ótimas.

    A Esmeralda é muito boa. Ponto.
    E a Lulu tem o dom da dança do ventre. Ela nasceu para isso. Se não existisse dança do ventre ela inventava. Conheci a dança (no youtube) com ela e me apaixonei ali. Mas não gostei dessa apresentação não. rs não sei se é porque estou com pressa, mas não vi nem até o final.

    ResponderExcluir
  4. Oi Verinha !
    Infelizmente moro longe de Sampa e não pude ir ao Festival, mas, adorei os vídeos q vc postou !
    Como esse foi o 1º Festival da Shimmie, é lógico q nos próximos muita coisa vai melhorar, mas, o q eu acho mais importante é a divulgação mesmo da dança do ventre !
    Adorei !
    Bjo !

    ResponderExcluir
  5. Aê, aê Verinhaaaaa, valeeeeu pelos videos! Sempre antenada, atenta e rápida na divulgação. ÊÊÊÊÊÊÊÊ mulé competente!
    Agradeço de coração... tudo!
    Bjks, Suh

    ResponderExcluir
  6. Esmeralda. só isso. o nome do festival.
    to passada.
    ^^

    ResponderExcluir
  7. Verinhaaaa,

    Muito obrigada pelo vídeo, fiquei muito feliz em te ver lá e tudo com o que me falou.
    O Festival foi LUXO... quero participar dos works da próxima vez. Bora guardar din din pq vale a pena.
    Adoreiii mesmo.

    Obrigada pelo carinho e pela sinceridade.

    Adorei te ver lá....
    Beijokasss

    ResponderExcluir
  8. Olá meninas!!!!!!

    Ká:

    O desconforto da dança no chão não foi ruim só para quem estava atrás não, quem estava na frente via só meio grupo.

    É complicado: fazer um evento tipo show em um lugar e o restante da programação em outro causa evasão de público e o organizador não pode contar com essa perda de receita.

    Não existe mágica, é tentar adaptar para agradar todo mundo....

    Van:

    Tenho certeza que as meninas trabalharam para atingir o máximo de profissionalismo possível. E a Esmeralda foi peça chave nesse quebra cabeça, tanto em relação à organização do evento em si, quanto nas apresentações.

    Lívia:

    Sério que vc não gostou da apresentação da Lulu? Será que é o vídeo? Porque ao vivo era uma cooooisa de arrepiar! Tenta assistir de novo!

    Marcelly:

    Mas da próxima vez vc vem pra São Paulo e aí a gente já emenda uma baladinha pras habibas que não são daqui, vamos à KK, eheheh...

    Suheil:

    Arrasou hein bee!! E aquele figurino, o que era aquilo? Rosa, brilho e plumas - a essência da Suheil, KKKK...

    Lu Arruda:

    De fato a Esmeh foi o nome do festival como vc disse. Isso porque ninguém ainda postou a dança com o Fael Rabello fazendo uma releitura das antigas danças de Farida Fahmi e Mahmoud Reda. Uma bailarina que encanta pela técnica apurada, pela entrega no palco, mas que é uma querida, atenciosa e simpática com todos. Perfeita.

    May:

    Parabéeeeennnsss!! Vc mereceu. Eu te disse lá que a menina tinha sido forte na apresentação, até gravei, mas diante da maracutaia não vou publicar. Mas se vc quiser depois pra dar uma estudada e ver o que dá pra aproveitar pra vc, me dá um toque.

    Beijos a todas e MUITO obrigada pela participação meninas!!!!

    ResponderExcluir
  9. Olá,vim conhecer seu cantinho e aproveitei para seguir!
    Parabêns pelo Blog e muito sucesso pra ti!

    Se quiser me fazer uma visitinha,será muito bem vinda e se quiser seguir,também!
    Beijinhos!

    http://umamulherbemvestida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. "Vc acha mesmo q alguém em sã consciência pagaria uma taxa de 80,00 para receber uma possível desclassicação? Acho que vc foi muito infeliz e insensível no seu comentário."

    Na boa? Eu acho... Visto que os concursos aqui no Braseel (Sampa City, principalmente...) não são lá tãooo corretos: o regulamento é um, mas milagrosamente no dia D acontece cada coisa que até Deus duvida... Como disse a Rhazi em outra oportunidade, as pessoas não contavam com a idoneidade do evento.


    Bem, baphos a parte... eu adorei participar. Achei que meu grupo dançou bem na final de grupos, a pesar da falta de expressão que eu cobro tanto. Ficamos em 3o lugar.
    Mas ser elogiada pela Lulu, tanto pela coreô quanto pela minha expressão: NÃO TEM PREÇO!! Às vezes eu me realizo mais como coreógrafa que como bailarina. ADORO!

    Quanto aos works, só uma palavra define: SENSACIONAIS!!! Pensa que nós estivemos na presença de uma lenda viva e que um monte de gente chorou ao final do work da Farida no domingo. Foi bem emocionante mesmo.
    Lulu como sempre ótima profs, não troco por ninguém (estou sem fazer aula desde o ano passado, mas assim que eu conseguir voltar,é para a aula dela!!).
    Aziza e Tarik deram um show conduzindo a aula de expressão. Me diverti horrores treinando a sequência perto dos meninos!!!
    Cometi um ato falho: não consegui acordar cedo no domingo para fazer a aula da Kahina. =/ Meu olhos não abriam... Sério!

    Tem coisa para melhorar? Sempre tem.
    Mas num balanço rápido e sem tantos detalhes, foi um dos melhores eventos que participei em muito tempo. Bem organizado, com ótimos works, perfeita infraestrutura, ótimo preço (importante!!!), só dançarinos de peso na gala (estou nas nuvens até agora!!! Adorei encontrar e conhecer tanta gente!). Obrigada, Vera por disponibilizar o vídeo! Estava master curiosa!!!
    Achei que ficou bem legal e, lendo comentários no Facebook, várias pessoas mencionaram nossa coreô "holística"!!

    Agora é só fazer um cofrinho, digo Caixa forte, pq estou na expectativa para o próximo Mosaico, o próximo Shimmie, Mundial CIAD na Argentina... Ou seja: A DANÇA VAI ME FALIR!!!
    hauhauahuhauhauhauhua

    ResponderExcluir
  11. Eba Verinha, você me pegou na correria, mas consegui te dar um beijo!! Que bom que você foi e que gostou!

    Vamos lá, eu falo como alguém de "dentro" da equipe do Festival:

    - Fiz parte do corpo de baile, e acho muito importantes as críticas que vocês fizeram aqui. Já estão anotadas e passarei para as meninas na primeira reunião que tivermos. A intenção foi criar um contínuo, sem grandes interrupções entre uma apresentação e outra, e esse era um dos papeis do corpo de baile - mas a movimentação acabou confundindo, pelo que vocês falaram aqui;

    - Os works foram bolados com muito carinho, pensando na necessidade do pessoal mesmo, o que as pessoas poderiam tirar de melhor e levar para a casa para estudar (porque ficar fazendo só work de coreografia nem sempre funciona para quem quer estudar em casa, não é mesmo?). É muito bom que as meninas tenham gostado dos temas, e sobre os professores nem tem o que falar, né? Profissionais muito sérios e competentes = sucesso!;

    - Críticas são muito bem vindas mesmooooo!!! A Dani e a Josi querem receber e-mails e comentários da galera em geral, para buscar melhorar ainda mais no ano que vem. E críticas construtivas como as que você e as meninas estão fazendo por aqui é que fazem um evento melhorar sempre.

    Obrigada a você e a todas que participaram.

    bjão

    Tatá.

    ResponderExcluir
  12. O que mais dói é ver como as pessoas te julgam e te olham sem ao menos procurar saber o que realmente aconteceu. Mas graças à educação que eu tive e à minha fé eu deito a cabeça no travesseiro sem nenhum ressentimento. Tudo que aconteceu foi de fato uma falta de atenção e irresponsabilidade da minha parte porque deixei passar o mais importante de um festival/competição que é regulamento PORÉM jamais foi UMA TRAPAÇA. Sinto por aqueles que tentam denegrir o meu nome ou a minha imagem...sinto por aqueles que ficam felizes em ver os outros em dificuldades... mas o mundo gira...gira e gira...

    Sei que errei e isso eu não estou negando, não é da minha índole agir com maracutaias. Eu fui muito infeliz com o meu erro e afirmo se eu tivesse lido o regulamento jamais estaria disputando o festival como solista e sim com o meu grupo (Companhia de Dança Maktub).

    Acredito demais no profissionalismo de todos aqueles que participaram do Festival Nacional Shimmie e diante de tudo que aconteceu todos os fatos já foram devidamente esclarecidos junto com a direção do festival. E acho mais do que merecido a classificação da bailarina Mayra Mello como campeã da categoria.

    Sim...sou amadora e continuarei sendo até atingir o nível técnico que se espera de um PROFISSIONAL e até lá vou aprendendo, estudando e batalhando.

    Mais do que um prêmio...o mais importante na vida e na dança é o aprendizado que recebemos. As aulas, os conselhos, os julgamentos, as críticas..enfim muitas coisas contribui para o crescimento de qualquer bailarino. E é dessa forma que afirmo: sou vencedora, porque nesse festival conheci a grande mestra Farida Fahmy, pude aprender mais e mais com Lulu Sabongi, Tarik, Kahina, Azziza e com os jurados que avaliaram as apresentações. Tudo isso é um prêmio para qualquer pessoa que ama e vive a dança, porque é a única forma que podemos crescer...ATRAVÉS DO ESTUDO!

    Obrigada e desculpas a todos.

    ResponderExcluir
  13. Mayara,

    Obrigada pela sua presença aqui para esclarecimentos.

    Somos adultos e entendemos que nossas ações são observadas e avaliadas por todas as pessoas em todos os momentos, e muitas vezes temos que conviver com as consequências.

    Ninguém aqui está feliz de ver o outro em dificuldades, tenha certeza.

    É muito importante que tenhamos um cuidado enorme com os rótulos, amador, profissional, e como se posicionar diante do público e de nossas alunas. Falarei disso aqui no blog essa semana.

    Agora, tente você imaginar como se sentem as meninas que gastam horas e horas ensaiando, gravam vídeos, pedem votos, investem em figurinos, bijus e maquiagem se preparando para concorrer na categoria amadora, e têm que dividir o palco com uma professora de dança? Da mesma forma que todos têm que avaliar como você se sente, procure também se colocar no lugar do outro.

    Na hora em que acabou o concurso, eu falei para a própria Mayra que era difícil ganhar de você, sua dança tinha sido muito forte, muito bem executada e uma delícia de se assistir. Mas o seu nível era simplesmente outro.

    A justiça foi feita no dia seguinte, mas pense que a bailarina que ficou em segundo lugar foi pra casa tentando analisar o que tinha de errado com a dança dela, por que ela não ganhou, e o preço da decepção com que ela saiu do concurso, quem paga?

    Independente do rótulo: se você ensina, você está um nível acima de quem não ensina, e não é justo!

    E o que me deixa mais triste, é que sua dança não deve em NADA às que se apresentaram no nível profissional. Não digo o primeiro lugar que foi indiscutível da Cristal, mas se você se apresentasse no Profissional, você CERTAMENTE pegaria segundo ou terceiro lugar.

    Que fique a lição para todos nós do acontecido, não é nada legal.

    ResponderExcluir
  14. Olá Amar, fico tranquila em ouvir isso de você. Entendo perfeitamente a situação e como falei antes foi um erro que cometi. Um erro que não prejudicou só a mim mas principalmente outras candidatas.

    Acredito que pedir desculpas a todas que se inscreveram não é o suficiente, mas diante disso tudo é a única coisa que posso fazer, concorda?

    Também não me conformo com minha falha (não ler o regulamento) nunca na vida deixei de ler um regulamento e quando foi dessa vez, diante de outras categorias que meu grupo estava se inscrevendo, deixei de verificar o da categoria amadora....e olha no que deu.

    De tudo isso tirei várias lições e uma delas é que JAMAIS devemos deixar de ler um edital/regulamento/normas/regras ou seja lá o que for que comanda um concurso/festival/competição.

    Eu não me inscrevi na categoria profissional porque acredito que ainda não estou qualificada para tanto...inclusive após o fato conversei muito com a Daniella (shimmie) e sugeri que em outras edições abrissem novas categorias como a semi-profissional. Acho interessante esse debate que você pretende abrir no seu blog, é uma questão polêmica e muito rotulada (como vc falou).

    Agradeço a oportunidade de poder me pronunciar no seu blog, são poucas as pessoas que permitem um debate como este.

    Obrigada

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  16. Amar, também gostaria de agradecer os seus comentários não só a respeito da minha dança mas com relação ao seu posicionamento sobre a questão de lecionar.

    Vou levar essas palavras como lição para a minha vida.

    Obrigada.

    ResponderExcluir
  17. Olá Amar!
    Adorei conhecer o seu Blog, vc é super antenada no que tange o cenário da dança do ventre, parabénsss!
    Gostaria de agradecê-la pelos comentários e confesso que fiquei lisonjeada com suas palavras!
    Obrigada tb por postar meu vídeo!
    Nos já nos conhecemos pessoalmente? De qualquer forma qdo nos encontrarmos não deixe de comentar que vc é Amar el Binnaz do Blog gostaria de te dar um abraço!

    Bjsss
    Chrystal Kasbah.

    ResponderExcluir
  18. É por essas e por outras que tem dias que eu me arrependo de morar na Cidade Maravilhosa... se o meu caixa tiver baixo eu deixo de ver ao vivo essas maravilhas!! O povo da Shimmie vai lançar um dvd desse show?? Pq se lançar eu compro NA HORA!!! beijossss

    ResponderExcluir

Mentes que pensam e fazem os outros pensar!!! Muito obrigada pelos seus comentários.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...