06 agosto 2010

1

Mais um dia dos pais

Oi meninas...

Chamam as datas comemorativas de dia das mães, dia dos pais, dia dos namorados, natal e tudo o mais de datas essencialmente comerciais, e eu também acredito que elas são isso mesmo. Mas desde pequenos somos condicionados a comemorar estas datas, então, vamos a mais um dia dos pais...

Já que eu não posso abraçar e beijar meu velhinho,
Já que ele só vive na minha lembrança e em meu coração, resolvi prestar uma homenagem.

Quando eu nasci, meu pai tinha 45 anos. Minha mãe dizia que ele me segurava e andava de um lado de outro dentro de casa repetindo "Nossa, quando minha filha tiver 15 anos de idade, eu terei 60". Era uma preocupação constante dele o fato de que nosso tempo juntos seria curto...

Vivi o maior problema da vida do meu pai que foi o alcolismo. Não tenho vergonha nenhuma de dizer que ia buscá-lo nos bares, apartava briga de bêbados, até me joguei na frente do carro uma vez para que ele não saísse embriagado dirigindo.

E eu nunca o amei menos por isso.

Meu velho parou de beber em 1999, depois de um esporro histórico dado pela saudosa vó Luisa - só mesmo a mãe dele para fazê-lo cair em si.

Daí então veio a melhor parte.

Vivíamos em casa eu, ele e minha mãe. Ah, que vida boa! A gente ria demais. Meu pai gostava de falar mal da vida alheia, e eu o apelidei de "Dona Maricotinha". É claro que tínhamos dias ruins, mas os dias bons faziam tudo valer a pena. O tempo foi passando, minha irmã veio morar perto da gente. Aí é que ficou bom! Meu velho perto dos netinhos era feliz demais.

Teve um dia que a gente ria, mas ria tanto que até doía. Minha irmã dizia "nossa, a gente tá rindo muito, acho que a gente vai chorar muito".

Ela tinha razão.

Papai do céu precisou de um anjo especial e chamou o véio Seu Moreira pra ir morar com ele lá pras bandas do céu. E embora meu coração esteja despedaçado aqui na terra, sei que o plano de Deus foi melhor.
******************************************************************************

Mas meu papo é com você habiba!

Vai lá no seu pai AGORA! Corre!
Abraça ele, beija ele! Diz que você o ama e que ele é o homem mais importante da sua vida!
Diz que ele é um presente que Deus deixou na terra pra você, e que você tem o maior orgulho de ser filha dele.

Vai lá, corre!
O tempo é agora!

Façam isso por mim! Eu daria tudo que eu tenho, e tudo que eu sou por só mais um momento!

Feliz dia dos pais.

Beijos

Um comentário:

  1. ô menina... me fez chorar. um beijo cheio de ternura! pra você e pro 'Maricotinha'
    :)

    ResponderExcluir

Mentes que pensam e fazem os outros pensar!!! Muito obrigada pelos seus comentários.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...