30 dezembro 2009

0

Feliz 2010!!



"Que sua vida, amigo, seja sempre para o melhor.
Que o sol aqueça o teu viver,
Que a chuva caia suave no seu lar,
E até nos encontrarmos outra vez
Que Deus,
Que Deus te segure em Suas mãos
Que o Senhor te abençoe e guarde.
Que o Senhor sobre ti levante o rosto
E te dê paz!"
(Bênção antiga)

Para todas as habibas que visitam o Amar el Binnaz um ano ILUMINADO!
Muita paz, muita luz, muita saúde e muito sucesso a todas.

Feliz 2010.

Amar el Binnaz

27 dezembro 2009

4

Votação para Suheil - Bellydance Evolution


Olá meninas!!!

Espero que todas tenham tido um Natal cheio de paz, confraternização e muitos presentes!

A Suheil, linda, maravilhosa e vitaminada está em NY (inveeeeeeeeeeeeejaaaaaaaaaaaaa!!!!) para participar da seleção do Bellydance Evolution, mais uma Cia. de Dança idealizada pela Jillina - êta mulher obcecada por dança do ventre "show" - que, com certeza, fará muito sucesso e, claro, tendo um nome "brasilerim" junto das bailarinas é melhor ainda né?

POR ISSO, ELA PRECISA DO SEU VOTO!!!

Leia a mensagem:

Oi amigos, 

estou pedindo um favor especial a todos. Estou participando de uma competição de dança do ventre em Nova York em Janeiro de 2010. Uma parte importante da competição é a votação no vídeo das concorrentes. Para isso é necessário que se vote pela Internet. Essa votação tem um peso muito importante na decisão final, e é claro, da capacidade técnica de cada competidora.


Gostaria de pedir que vocês votassem. Se eu conseguir, tenho a chance de ser a representante desta Companhia de Dança para a América do Sul. Tem uma argentina (Angeles) que está competindo e que está conseguindo “um monte” de votos. Por favor, repassem aos seus amigos e peça que votem. Não leva nem um minuto!! E quem quiser também pode deixar um comentário (opcional). É um grande favor que vocês me fazem e eu, claro, agradeço. A seguir, dou o link para votação:

http://www.bellydanceevolution.com/cblog/index.php?/archives/9-Voting-Page.html#extended



Olha gente, eu adoooooro a Angeles, mas vamos ajudar a Suheil nessa!!! Conto com vocês, leitoras e amigas do Amar el Binnaz.


beijim!

21 dezembro 2009

3

Do que eu desejo pra você no Natal...





Habibas do mio cuore...

Quero desejar a todas um Feliz Natal, que seja uma festa cheia de amor VERDADEIRO e genuíno!!!

Agradeço a vocês por me permitir fazer parte de um pouquinho de seu dia, quando vocês vêm aqui ler minhas maluquices!!! Ahhaha..

Meu presente para Papai Noel já pedi: uma nova ATITUDE em Dança do Ventre, em prol de um futuro próspero e sem lantejoulites!

Um ótimo Natal a todas!

Verinha

19 dezembro 2009

1

Novas Experiências... Amigo Secreto Amar el Binnaz 2009



Olá habibas!

Uma das coisas mais legais desse final de ano foi o Amigo Secreto do Amar el Binnaz, que aconteceu ontem 18/12/2009. Neste final de ano, devido ao meu ritmo mais que frenético de trabalho, não pude organizar um evento de final de ano. Daí que na aula passada resolvemos fazer um amigo secreto de última hora. E a Babi, aluna nova, mas que a amamos como se já estivesse lá há mil anos deu a idéia: VAMOS FAZER UM AMIGO SEX SHOP!

Foi um frisson por dois motivos:
1. As que frequentam sex shop ficaram animadíssimas (sou uma rata de sex shop, adooooouro);
2. As que nunca foram em sex shop ficaram envergonhadíssimas...

Eu pessoalmente pensei que quem não curte Sex Shop, ou não gosta, iria no máximo na loja de lingerie tentar comprar alguma coisa "parecida" com isso.

Preparei os kits para sorteio para as meninas, todos com um "brinde sexy" - uma calcinha-inha-inha para entrar no clima também.

Ontem, ao chegar na academia, as meninas já começaram contando as experiências, de "minha primeira vez num sex shop". O mais legal é ouvir das casadas há anoooooossss que os maridos já estão empolgadíssimos com essa aula de dança do ventre que está fazendo até a mulherada frequentar o Sex Shop, ehehe... TODAS compraram seus presentes no Sex Shop, 100% de adesão!

Após o sorteio, que já foi muito legal, com Alê fazendo as performances Sexys a cada entrega - minha máquina fotográfica MORREU, sorry, não tenho fotos - começamos a entrega do amigo secreto. Gente, apareceu cada coisa!!! No final, achei que as tanguinhas que eu escolhi para minha amiga secreta servem para ir na igreja. As meninas que nunca foram no Sex Shop compraram as coisas mais ousadas, acho que tô ficando careta.

Ganhei um kit de gelzinhos  - O André adorou! E ganhei a satisfação de ver minhas habibas todas unidas, confraternizando, num clima maravilhoso de amizade e companheirismo. Não poderia haver presente de aniversário adiantado melhor que esse - 2009 valeu a pena. De verdade.

E fica a dica para as profes que ainda não fizeram o amigo secreto entre as alunas - acreditem, vcs vão AMAR.

Um beijo

15 dezembro 2009

2

Bellydance New Divas: Suellem Morimoto

Olá habibas...

Em alguns momentos me sinto uma TIAZONA dançando. Isto porque a maioria das bailarinas que admiro tem menos idade (3.0 - motor com muita potência) do que eu: Luana Mello, Ana Claudia Borges, Kahina, Nur, e agora essa bailarina: Suellem.

Minha história com a dança da Suellem vem do primeiro evento de dança que pude participar, organizado pela Aninha, e me lembro de ela ter dançado uma coreografia em dupla e eu babaaaaando e me perguntando: será que um dia chego lá? Mal sabia eu que era SÓ o começo de uma carreira que promete.

Suellem tem em seu DNA de dança o estilo "Khan el Khalili" - razão pela qual do seu ingresso na Casa de Chá à sua inclusão nas Noites do Harém se passaram apenas poucos meses. Mas ela não é simplesmente uma cópia das demais bailarinas que dançam lá. Sua dança é diferenciada pelos movimentos que conseguem ser uma mistura do "extra-delicado" com o "muito forte". Braços sempre muito harmoniosos e belos, giros e arabesques perfeitos e uma leitura musical IM-PE-CÁ-VEL.

Fora o fato que ela é linda de viver... e pelo que sempre observo é uma pessoa muito gente boa. E na minha opinião isso conta. Muito.

Com vocês: Suellem







E sua linda coreografia japonesa de título "Memórias de uma Gueixa" apresentada nas Super Noites do Harém:

12 dezembro 2009

3

Meus blogs de maquiagem preferidos


Olá habibas...

No último ano acompanho de perto vários blogs de beleza e de maquiagem, nacionais e internacionais. E os blogs de beleza brasileiros têm crescido de forma assustadora. É claro que, como em qualquer tipo de desenvolvimento, existe uma tendência para o mais comercial, e muitos blogs se tornaram não mais do que propaganda de algo "incrível", "maravilhoso" e "imperdível".

O que eu mais gosto em um blog de beleza? Sem dúvida, dos tutoriais de maquiagem.

E em relação aos tutoriais de maquiagem, as gurias estão se esmerando cada vez mais. Tem muito a se aprender na rede, é por isso que vou indicar três blogs imperdíveis para quem quer fazer maquiagens legais. Meu critério de escolha baseia-se em: utilização de produtos nacionais, técnica e utilização das cores. E as minhas gurus brasileiras preferidas são:


Francielli Coppo - http://makeupbyfran.blogspot.com/



Fran é uma menina linda e EXTREMAMENTE talentosa. Em seus vídeos tem várias maquiagens bonitas com P&W, Ruby Rose, Luisance, Marcelo Beauty, Pierre Pardon... ou seja, maquiagens a preços acessíveis a todos. Ela tem pálpebras bem "esticadas" e bastante "espaço" para trabalhar no olho, e desenvolveu uma técnica pessoal muito interessante, pois suas maquiagens são bem dramáticas, mas possuem um acabamento nota 10!

******************

Janaína - http://rosachicletemakeup.blogspot.com/



É engraçado, eu olho para a Janaína e só consigo lembrar de Pin-up. Ela é também uma menina linda, e de um talento incrível. Alguns de seus vídeos têm produtos nacionais e fáceis de encontrar. Atualmente ela está sendo "patrocinada" por um site que vende maquiagens importadas, e tem utilizado mais makes importadas (porém acessíveis como LA Colors, LA Girl, Eyeko...), mas se vocês pesquisarem nos primeiros vídeos tem muito Avon, Catharine Hill, Luisance, entre outras. Outra coisa bacana dos vídeos da Jana, é que ela gosta de utilizar esponjinhas para fazer as makes, então, quem não tem acesso a pincéis, ou não gosta de pincéis, pode obter dicas muito legais de como trabalhar com a esponjinha. Suas makes são dramáticas, porém o acabamento é impecável.

********************
Vivian - http://www.fabulousbyvivian.com/



Vivian mora no exterior, então suas makes são 100% importadas. Mas vamos "abstrair" os produtos e prestar atenção na técnica. Eu não consigo resistir ao esfumado dessa moça!! É impecável, e todas as suas makes a fazem ficar com cara de "RYCA". Perfeito.

***********************
Assistam e aproveitem!

Beijins

08 dezembro 2009

2

Marketing X Mercado de Dança do Ventre


Eu sempre ODIEI loucamente a aula de marketing na faculdade (é gurias, meu lance é MATEMÁTICA FINANCEIRA, HP, ECONOMIA e estudo de casos das estrelas da bolsa de valores, adouro!),  principalmente porque na faculdade de Administração, a aula de marketing só fala de “auto-ajuda empresarial” e eu não gosto de auto-ajuda of any kind.  Mas uma ou outra aulinha eu guardei na memória. E vim falar hoje do marketing (ou a falta de) aplicado à dança do ventre.


A grosso modo, o marketing mais bem sucedido dentro do “meio” de dança do ventre é o da Casa de Chá. Todo mundo quer dançar lá, todo mundo quer tomar o chá de lá e ver as gurias dançarem, e todo mundo quer usufruir do nome da Casa de Chá, nem que seja “fiz aulas com a fulana que dança na casa de chá”. O slogan escolhido pelo administrador é clichê, mas tem dado certo “Um lugar de sonhos”.  Podemos enumerar uma série de defeitos lá (eu mesma posso dizer pelo menos uns 10), mas com um slogan como o descrito acima e a figura forte de uma bailarina bem sucedida – Lulu Sabongi (que não dança mais lá, mas vai demorar anos até que sua imagem seja desvinculada da Casa), a Casa de Chá vem através dos anos mostrando que não precisa de mídia externa para alavancar seus negócios – tudo é feito de forma “caseira”.
E ainda existe o marketing viral das bailarinas que viram “Padrão Khan el Khalili” em favor da Casa de Chá – essas divulgam às largas os banners da empresa no Orkut, sites pessoais, My Space, Twitter...
E, falando em Marketing Viral, existem ainda muitas bailarinas que enchem nossa caixa de e-mails diariamente com notícias sobre cursos, espetáculos da escola, sugestões de serviços...


Não vou citar nomes, mas mandei um e-mail para uma escola de São Paulo do meu e-mail profissional que é o que mais utilizo, e após esse evento, recebo DIARIAMENTE e-mails com tudo o que a escola acha conveniente: propaganda de ateliers, divulgação de cursos, divulgação do espetáculo da escola, tudo. Não falha: todos os dias,  exatamente às 14 horas, chega um e-mail desse estabelecimento. Se fico com vontade de “comprar o produto”? NÃAAAAAAAAAAOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO. Pelo contrário. Fico pê da vida com um tipo de abordagem tão insistente e não recomendo pra ninguém.  Acredito que a rede é uma ferramenta poderosa de marketing, mas o fio que separa a divulgação da encheção de saco é, por deveras, tênue.


Mas o que não vemos são as empresas que vendem produtos de dança do ventre utilizarem  ferramentas de marketing, seja ela nas mídias tradicionais, seja em marketing viral.   Enquanto nós demandamos das empresas de telefonia celular, telefonia fixa, TV por assinatura, que nos dêem bônus, períodos grátis e um monte de coisas, nós aceitamos numa boa quando compramos um véu de seda sem desconto, uma roupa de dança por um preço exorbitante.


Na nossa vida “secular” todos os produtos que consumimos têm seu período de preços baixos e liquidações. Em dança do ventre, isso não existe AT ALL, e, nas poucas situações que acontece, representa peças pequenas demais, com defeitos, manchas, lantejoulas faltando, entre outras coisas.
Brindes? Neeeeem pensar. Aliás, deixa eu ser justa: eu já fui fotografada pela Adelita Chohfi “di grátis”, ganhei um sorteio na Mostra Cultural e ela me fotografou e editou as fotos da forma mais profissional possível, e eu não paguei NADA, e no evento Ventremania, da Aninha, alguns dos prêmios das categorias disputadas foram oferecidos pela Therê, dos véus “Silk by Therê”. Fiquei super feliz de ver! Existe esperança!


É claro que em nosso meio, o boca a boca é o marketing mais eficaz, mas nunca é demais ver que as marcas se importam com a gente. Sejam elas restaurantes, escolas, fotógrafos, lojas, etc. 

06 dezembro 2009

10

Nova moda? Bellydance Burlesque


Em tempo: ainda tá rolando o Bazar de Final de ano no Atelier Tia Cecy! Geeeeemtchi, pra quem é magrinha tem coisa "pá carai"  a preços inacreditáveis. Se vc tiver paciência de garimpar, e o quadril estreitim, tem jogos de duas peças (bustiê e cinturão) até por 50 reais. 
Comprei uma roupa LEEEEENDA, com muito svarovski a um preço muito, mas muito camarada. E olha que achar uma roupa pronta para um quadril número 48 habibas, é andar pra mais de metro.


Vai lá: 
Ateliê Tia Cecy
Av. Brigadeiro Luiz Antonio, nr. 1186 ap. 53b
A partir das 14 horas. 
*************************************************
É gurias... podemos dizer que o ano de 2009 foi o ano da grande volta das pin-ups. Isso tá na moda demais: são as roupas, maquiagem, Dita Von Teese, tudo. Você quer uma maquiagem para o reveillón? Procure no youtube, e verá que todas as tendências se voltam para a pin-up makeup. Babadins e curtins com certeza relembram o look pin-up. O preto poderoso nos cabelos e o vermelho inconfundível nos lábios - tudo nos traz o que há de mais pin-up da moda.


E claro, a dança não fica de fora. Já vimos o sucesso que foi o workshop da Luana Mello em Salvador com o tema "Como se mover como uma pin-up", vemos o sucesso que vem fazendo a Cia. Lalique da Shaide Halim, tudo na tendência vintage. 


Daí que eu comprei a Marie Claire deste mês e li a entrevista da Dita Von Teese, e na entrevista ela afirma:


'Burlesco tem a ver com pôr pensamentos sacanas na cabeça das pessoas'


Pensei no que poderia ser uma fusão de Dança do Ventre com burlesque. Daí procurei no youtube "Bellydance burlesque" e olha o que eu achei:





Eu A-DO-REI esta apresentação de Pin-up bellydance... eu dançaria "Alf leyla we leyla" com essa roupa (vixi, sai desse corpo, sai desse corpo se não vai ser queimada pela Santa bellyinquisição).




Eu adorei a vibe "Las vegas showgirls"!



Ainda não me decidi sobre esse vídeo... mas posso dizer uma coisa: depois daquela coreografia com a música da Shania Twain que vi no Mercado Persa, essa daí é inocente no último. Shaide, pode levar sem medo!!!



Aqui também vejo mais tribal do que burlesco, prefiro uma fusão com mais marabú!! Ehehe...

E vocês meninas, o que acham?

Beijins

02 dezembro 2009

5

Bellydance Coaching


Olá habibas

O que é coaching?

Pode-se definir coaching de diversas maneiras. A essência do coaching é: Ajudar uma pessoa a mudar da maneira que deseja, e a ir na direção que quer. O coaching apóia a pessoa em todos os níveis, para que se torne quem quer ser e seja o melhor que pode ser. (Fonte: http://www.lambent.com/PDF/BR_What%20is%20coaching.pdf)


Uma professora de dança do ventre pode se considerar um "coach"? Depois do que vi domingo, responderei: "Depende".

Acontece que eu estava maquiando uma das minhas alunas (pra variar) no corredor que dá acesso ao camarim enquanto estava rolando uma apresentação da competição de categoria duplas no Ventremania. Depois de alguns momentos a bailarina saiu um pouco apreensiva, se explicando demais. Pelo tanto que ela se explicava, dava pra perceber que a execução da coreografia não havia saído como esperado.

O que me impressionou negativamente foi a chegada da professora, que apontou com o dedo em riste na cara da menina, dizendo da maneira mais grossa possível:
"VOCÊ PERDEU POR CULPA SUA! NÃO TEVE CORAGEM DE GIRAR E FICOU O TEMPO TODO OLHANDO PRA BAIXO. PERDEU PORQUE NÃO TEVE CORAGEM DE ENCARAR".
E saiu batendo os pés corredor afora!

Fiquei passada a ferro vendo uma situação dessas. Nem quis saber de que escola era a professora ou a aluna, mas me doeu na alma ver a aluna chorando e dizendo "Eu fiquei com medo de cair, fazer o que?".
Entendo que tem muita professora e muita, mas muita mesmo, aluna papa-concurso por aí. Mas gente, o mundo não vai acabar porque a aluna não ganhou um concurso, por favor! Não precisa dizer pra aluna que ela errou o passo: ELA SABE!

É preciso entender o momento: a aluna já está se expondo sobremaneira se colocando na mão dos juízes para ser avaliada, o excrutínio público não é nem nunca foi algo confortável para o ser humano. Se não deu certo é preciso que a professora faça o papel apaziguador: acalme a aluna, a abrace e parabenize-a pelo que deu certo. Em sala de aula, aí sim, enumere o que estava errado e inicie o trabalho para que saia correto da próxima vez.

Esse tipo de atitude é o que alimenta os comportamentos "lantejoulísticos" que existem por aí, porque a melhor defesa é o ataque. Então é melhor ser agressiva do que estar na mira implacável de uma professora assim.

E vamos praticar mais o Bellydance Coaching
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...