27 maio 2009

2

Bailarina tem que estudar?


Olá habibas!!!!

Tempos atrás tive contato com uma bailarina que me marcou muito. Não só pela dança, mas pelo discurso mais alienado a que eu pude ter contato: só vejo dança, estudo dança, vejo filmes sobre dança, meu mundo é a dança. Quer ir pro Egito passar um tempo lá? Não pode porque o inglês é fraquíssimo... Assistir um vídeo de dança importado é um tormento porque não se entende nada. Se alguém fala alguma coisa sobre anatomia, cinesiologia, viiiiiixiiiiii... Que é isso?

Pode?

Eu acho que não habibas. Porque o fato de sermos artistas não nos aparta do mundo que é altamente globalizado e necessitado de profissionais capacitados. Eu sei que parece discurso de mundo corporativo, mas tem a ver com a dança também. Hoje as coisas ficaram tão fáceis... você pode receber uma proposta para dançar em um país árabe, ou mesmo para lecionar nos Estados Unidos e estar lá amanhã. E aí? Tem certeza de que vai chegar lá e vão achar bonito ter um tradutor para conduzir seu trabalho? E ainda mais: estar num país estrangeiro sem conhecer nem um pouquinho de sua cultura, se informar sobre sua situação atual é o cúmulo da falta de educação (quem não concorda pode jogar pedras, mas eu penso assim).

E ainda mais nós, que admiramos a cultura alheia, temos quase que por obrigação conhecer a fundo essa cultura, o modo de pensar do povo a quem amamos tanto, o que forma sua opinião...

Sinceramente não acredito que duas horinhas tiradas do seu tempo diário para estudar uma língua, ler um livro, um jornal, se informar sobre o que está acontecendo no mundo, adquirir um novo hobby, ouvir uma música que não esteja no repertório árabe, tudo isso, tenha a capacidade de "roubar" sua capacidade ou sua aptidão para dançar ou estudar dança. É um tempero, um quê a mais. Na minha modesta opinião, um upgrade mesmo.

Abre o olho hein!!! O mundo está mudando constantemente, não vá ficar alinenada!!!

Beijim

2 comentários:

  1. Isso é sério mesmo? Como assim bailarina não precisa estudar? Antes de sermos bailarinas somos pessoas e temos que estudar é muito. Muito de cultura alheia para não sermos preconceituosas e superficiais, muito de língua estrangeira para eliminar barreiras (pelo menos a mais fácil de ser eliminada) que nos separam do mundo, muito de história, geografia para tentarmos entender que mundo é esse e muito de arte para acharmos a beleza que existe nesse mundão.

    ResponderExcluir
  2. Assino embaixo!

    Tem que estudar sim, ler muito, estar por dentro de tudo que acontece não só na dança, mas em geral. Além do mais, tudo que aprendemos acrescenta algo em nossas vidas e, consequentemente, no que somos e expressamos como bailarinas.

    E fala a verdade, é tão bom descobrir coisas novas, parece que ganhamos um pedacinho do mundo.

    bj

    ResponderExcluir

Mentes que pensam e fazem os outros pensar!!! Muito obrigada pelos seus comentários.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...