07 novembro 2008

2

Convidando os parentes para sua apresentação...


Olá meninas!

Existem 3 coisas no mundo que você nasce e morre com a certeza de que são seus: pais, irmãos e filhos... As outras pessoas a vida te dá, mas essas são suas desde sempre.

Dia 14 de janeiro de 2007 eu tinha meu pai, minha mãe e irmãos....

Dia 15 de janeiro de 2007 eu só tinha mãe e irmãos.

Meu velho nasceu em 20/09/1934, e viu muitas coisas:
- Viu uma guerra mundial;
- Viu o Brasil ser campeão do mundo TODAS as vezes;
- Viu o Pelé encantar multidões em um estádio de futebol;
- Viu a democracia ser assassinada;
- Viu e testemunhou uma ditadura cruel e criminosa;
- Viu a democracia renascer “manca”;
- Cantou o hino com a Fafá de Belém exigindo eleições diretas;
- Desconfiou como muitos brasileiros que seu presidente (Tancredo neves) fora brutalmente baleado;
- Viu as moedas Réis, Cruzeiro, Cruzado, Cruzado Novo, e tantas outras...
- Viu o comunismo agonizar, agonizar até se tornar um moribundo que sobrevive miseravelmente em Cuba;
- Viu cair o muro de Berlim;
- Viu um presidente jovem e bonito ser eleito, e pouco depois testemunhou o primeiro impeachment do Brasil;
- Viu nossa economia dar um salto estrondoso e viu nosso dinheiro valer mais do que o dólar,
- Viu o sistema eleitoral do Brasil se tornar o mais moderno do mundo;
- Viu o presidente chamá-lo em Rede Nacional de “vagabundo” (Ê seu Fernando Henrique hein!!)
- Viu um operário sem um dedo se tornar presidente do Brasil;
- Viu 2 aviões assassinarem 3000 pessoas simplesmente porque elas estavam no lugar errado na hora errada,
- Viu o Saddam ser assassinado em rede mundial;
- Viu seu querido Palmeiras (é, ele tinha esse defeito) lutar bravamente para ser campeão da Libertadores, pra chegar em Tóquio e dar aquele vexame (tem coisas que só o Manchester faz por vc!! Epa, desculpa paizinho!!);
- Assistiu a tantas olimpíadas, copas, pan americanos, e tudo que fosse relacionado a esporte, que ele tanto gostava.
- Viu nascer e crescer 6 pessoas que tiveram a honra de chamá-lo de pai;
- Viu nascer 10 pessoas que tiveram a honra de chamá-lo de Vô;
- Viu o milagre da vida quando o um de seus netinhos, após lutar bravamente pra nascer e ficar 1 ano alternando dias entre o hospital e a casa, venceu suas limitações e é o tourinho maior de todos hoje...
- Viu muitas coisas, meu velho, muitas, muitas e muitas...

Mas meu velho nunca me viu dançar. Ele, que sempre me levava até a porta dos eventos. Nunca entrou. "Outro dia filha", ele dizia. A oportunidade passou... Nunca vou poder ver aquele rosto querido entre as pessoas da platéia.

O post de hoje Habibas, é para alertá-las que amanhã é um dia que não existe. Tem gente que espera “dançar melhor” para levar os pais para assisti-los, ou ainda, espera um festival melhor, um lugar que caiba mais gente, espera, espera, espera...

Tem gente que para dizer "eu te amo", "você é meu herói", dar um abraço, assistir ao jogo de futebol, jogar aquela biribinha espera um dia legal, espera, espera, espera...

Não meus amores, isso é um erro. Leve seus pais pra aplaudir você. Dê a eles a oportunidade de sentir orgulho, e quando os aplausos acontecerem, de olharem em seu redor e pensar “Fui eu que fiz”. Não deixe para amanhã!
Faça hoje!

Um beijo e bom final de semana...

2 comentários:

  1. Aproveitar sempre o hoje e nunca deixar para amanhã para dizer eu te amo - aprendi isso...
    bjihus

    ResponderExcluir
  2. lindo e essencial. essa semana estou em choque com o falecimento do pai de uma aluna. as últimas palavras dele para mim? 'não vejo a hora de ver minha filha no palco'. infelizmente ele não pode esperar pelo evento em dezembro, mas torço para que do plano espiritual ele possa vê-la...parece drama, mas é vida real, mesmo. me emocionei com o seu post. beijo

    ResponderExcluir

Mentes que pensam e fazem os outros pensar!!! Muito obrigada pelos seus comentários.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...