30 outubro 2008

0

Dica de make para quem quer ousar!!! Greek Goddess!

Olá girls...

Eu AMO o site www.makeupgeek.com ... é muito didática a forma como a Marlena explica como realiza suas makes.

Pessoalmente, eu ando meio cansada do onipresente prata/preto das apresentações de dança do ventre que tenho visto por aí, e achei o efeito cênico dessa make muito legal. Eu também trocaria os decalques dourados por sombra preta para decorar os "rostinhos tribais".

Espero que gostem!

Beijão.

27 outubro 2008

2

Divas da Terra Brasilis - Kahina


Na primeira aula de dança do ventre que tive na vida, as alunas que lá estavam comentavam alvoroçadas que haviam ido à Casa de Chá assistir a uma tal bailarina que era perfeita, linda, maravilhosa, tudo, tudo, tudo... O nome dela? Kahina.

Isso me marcou muito, e minha curiosidade se aguçou a respeito dessa bailarina que havia sido tão elogiada pelas meninas da academia. Comecei a buscar material sobre ela e estudá-la. É claro que não me arrependi.

A impressão CLARA que se tem quando se vê a Kahina dançar é que ela nasceu com o "DOM" da dança do ventre. Mesmo que ela nunca tivesse uma única aula de dança do ventre, uma hora ou outra ela começaria a dançar da mesma forma que aprendeu a falar, a andar... e nunca mais esquecer. Vê-la se apresentar é algo mágico.

O seu crescimento na dança, na minha opinião, aconteceu a olhos vistos. Sou capaz de narrar todas as danças dela que estão nos vídeos da Lulu. Cada movimento. Isso porque assisti 100000000000 de vezes. Ela tinha algo que me incomodava e muito - as trocas de mão muito rápidas de bruscas. Eu falava pra minha professora na época que a impressão que eu tinha era que se praticava o "Kung Fu" do ventre. Embora o quadril fosse maravilhoso, a coreografia de grande dificuldade técnica, o tremido perfeito, aqueles braços me chamavam por demais a atenção negativamente.

Com o youtube pudemos ter acesso a outras apresentações em vídeo, e assim pude estabelecer um comparativo: a Kahina só faz MELHORAR dia após dia, apresentação após apresentação.

Os braços de Kung Fu? Isso não te pertence mais meu bem!!!!!!!!!!! Hoje ela é muito precisa nas trocas, mas sem perder a delicadeza.

Kahina tem formação em ballet clássico, e isso faz toda a diferença na sua dança. Sua postura é muito altiva, e seus giros são irrepreensíveis.

O quadril cada vez mais solto, os movimentos cada vez mais perfeitos! Kahina caminha a longos passos para se tornar a maior estrela da Dança do Ventre no Brasil.

23 outubro 2008

2

Minha novela mexicana: Compras na Pink Discount

Pink Discount? ********** NEVER AGAIN **************************

Olá habibas!

Minha primeira encomenda na Pink Discount eu fiz em 12/09/2008. Recebi em 23/09/2008. Impressionada com a entrega rápida, fiz outra encomenda no dia 24/09/2008. Esta encomenda está virando uma novela mexicana. Já mandei mais de 50 e-mails para a Pink Discount, e o nível de atendimento deles quando a encomenda atrasa está no nível da já famosa Kathy da Coastal Scents que só responde um e-mail de cliente quando a situação está para lá de Marrakesh.

Vou postar os e-mails (sem o remetente, pois mandei do meu e-mail profissional), com as respectivas respostas, só para vcs terem uma leve idéia do sofrimento:

E-mail 1 27/09/2008– enviado 1 vez:

Good morning...

I didn't receive my shipping advice about this order. On my first order, you sent me an e-mail titled: YOUR ORDER WAS SHIPPED. I'm still waiting for it.

Thanks for the attention

Resposta:

It was just shipped out on the 24th we are in the USA and it take a while to
get there.
Thanks

Be Sure to Check Out our $1 Bargain bin
www.pinkdiscount.com
*********************************************************************
E-mail 2 16/10/2008(enviado 1 vez)

Good afternoonI've placed this order: on September 24th, and still I did not receive it yet. I called the post office, to see if there was something wrong, or even if the parcel was taxed, they said that the tracking is possible with a number that's given when the parcel is shipped.
If you have such number, please send me, because it's been 21 days and my first parcel with pinkdiscount took only 10 days to be delivered.
Thanks for the attention,
Best regards,

Resposta: não houve

***********************************************************************
E-mail 3 - 20/10/2008 (enviado 16 vezes, já que no anterior não houve resposta)

Good Morning,
I sent this e-mail yesterday, asking for my order, and I read on 2beauty (
http://www.2agency.net/beauty/) that you sent some parcels to wrong adresses here in Brazil, so, I'm asking again about my parcel, if you have some tracking number to give me. Please check if you sent my parcel to some wrong address,
Thanks,

Resposta:

We do not have that # it was re sent out on the 12th so you may get two of the same order.
Thanks
This is the info that I have
Print Date & Time: 10/12/2008 2:31 PM
Ship Date: 10/14/2008
Type: Stamp
Postage Amount: Address:

BRAZIL
Postage Class: First-Class International


Detalhe: este foi outro pedido que fiz no dia em que as mercadorias ELF voltaram ao estoque, e pedi um monte de cílios postiços.... Ou seja, são pedidos diferentes, eles nem se deram ao trabalho de checar qual era a mercadoria no corpo do pedido.
************************************************************************************

E-mail 4 - 20/10/2008 (enviado 11 vezes já que a tática deu certo):

There is a misunderstanding here. I really did this order on October 12th, but I've made an order before, on September 24th. That is the order I want!!!!
The 24th september order is the number:
The 11th october order is the number:
The products on these orders are very different also, even the address is different, because de october order I sent to my husband's company.
Please check if you did not send my parcel to a different address, because many people of Brazil complain about receiving other person's parcel. And in my case, I did not receive any parcel at all.
Thanks again for the attention,
Best,


Resposta:

Here is the other shipping info on the other order. I hope this is what you are looking for. It was my understanding that it was one order that got sent to the wrong address. Have there been more than one?
Print Date & Time: 09/24/2008 11:56 AM
Ship Date: 09/24/2008
Type: Stamp
Postage Amount:
Address:
Piece Count: 16945
Postage Class: First-Class International
Weight: 7 oz

***********************************************************************************
E-mail 5 (enviado 23 vezes, dividido em vários dias já que não recebia nenhuma resposta)

Yes, this is the order I'm looking for.
Both orders are mine, and I sent them to different addresses: the september one I sent to my house, and the october one I sent to my husband's office.

This is my personal address, that is correct, but I did not receive the parcel yet.
That thing I've mentioned about the wrong address was because a girl post on 2beauty that you sent other person's parcel to her house, that's all.
I called the post office, and they said that the number you get when the parcel is shipped is enough to track it when the parcel enters Brazil.
I'm still waiting for that number.
Thanks,


Resposta:

The info I have given you is all that I have. I am sorry I don’t have more.
I am trying to help you! I am not sure what you are upset about, We you to happy.
Amy

*******************************************************************************
E-mail 6 (enviado 1 vez)

Ok Amy... I'll wait a few days more...
If I don't receive my parcel, what can I do? I've already pay my credit card bill.

Resposta:

Não houve

*******************************************************************************
E-mail 7 (enviado 38 vezes porque eu já estou de saco cheio)...

Amy, good morning.
I did not receive my order yet. It's been a month since I've order it.
Yesterday I received my parcel from Non Pareil boutique.com that I've order on October 10th. And my Pink Discount parcel made on September 24th still delayed.

What upset me about all this is that I'm doing everything I can: I checked out my post office, I checked out the tax system and none of them says that there is a parcel for me from Pink discount.

When I e-mail you guys the only answer I have is : "This is the only information we have"

I'M THE CUSTOMER FOR CHRIST SAKES! I JUST WANT TO RECEIVE WHAT I'VE PAID FOR.

I'm looking forward to receive your reply ASAP.
Best,


Resposta: Até agora nada!!!!!!!!!
***********************************************************************************
Vamos aguardar cenas dos próximos capítulos... deixarei vcs informadíssimas.
A lição? Melhor comprar ELF na Bridgette Boutique, que custa US 2, mas pelo menos chega direitinho...

21 outubro 2008

2

Assumindo um estilo





Olá habibas...

Vamos brincar de historinha: Hoje você estava na sala de aula e de repente, quando ia realizar "aquele" arabesque, percebeu no cantinho da sala uma lâmpada mágica... Você diligentemente foi até lá e esfregou com fé! De lá saiu um gênio vestido de galabeya que te permitiu fazer 3 desejos para a sua dança.

1000 imagens começam a povoar a sua cabeça, e vc imediatamente pensa: puxa, mas só 3? Que miséria!!! Para começar minha listinha eu queria:



1. A classe da Nayma Akef;

2. A delicadeza da Sohair Zaki;

3. A alegria da Fifi Abdo;

4. O tremido da Soraia Zaied;

5. A desenvoltura em giros da Lulu Sabongi;

6. A leitura musical da Carlla Sillveira;

7. A expressão da Jillina;

8. A força da Saida;

9. A fluidez da Randa (God save the queen);

10. A coragem para inovar da Dina....´

Bom, aí já se passaram em muito os 3 pedidos né...

Ao elencar essas bailarinas todas, meu objetivo é mostrar a você o quanto elas são maravilhosas dentro do seu estilo pessoal. Muito me incomoda, por exemplo, quando vejo em concursos, ou seleções XYZ que exigem um certo "estilo". Ou Egípcio - que classificam como delicado, de movimentos mais contidos, ou Libanês - que classificam como mais forte e proeminente.

Aí então a estudante direciona seu estudo de forma a favorecer um estilo e desprezar outro. Na minha opinião, isto é aleijar a própria dança.
Por que as bailarinas que descrevi acima se destacam no meio? Porque encontraram e desenvolveram o ESTILO PESSOAL. Imagine você se, um dia, a Saida resolvesse passar na pré seleção, por exemplo, que exige o estilo "Egípcio", e rejeitasse em si aquela força que é uma coisa peculiar, é DELA. Que grande perda seria para a própria dança...
Ou então que a Nour resolvesse passar na seleção que o Omar Naboulsi realiza, que exige o estilo Libanês, e rejeitasse em si a delicadeza que lhe é peculiar?

E diante de tantas bailarinas que possuem certificação X ou Y, quem mais se destaca no meio? Quem é diferente! Não é uma delícia assistirmos à Kahina, Nur, Carlla Sillveira, Polimnia, Soraia? Porque em cada apresentação, em cada momento, elas nos mostram algo DIFERENTE! Infelizmente, em grandes eventos e apresentações de dança temos visto uma mesmice sem fim... Desde o figurino da bailarina até a própria dança.

Falamos tanto em personalidade na dança, mas na minha opinião isso começa na própria bailarina. Entenda as ESCOLAS egípcia e libanesa que nos deu tantas bailarinas maravilhosas, cada uma com uma característica que enriquece nossa dança, mas encontre o SEU PRÓPRIO estilo, e, principalmente, o defenda até o final!!!

17 outubro 2008

2

Sabe o que falta? Criatividade!!!


Olá amores...


Tava super inspirada a escrever um post bem light sobre makes e coisa e talz, e resolvi dar uma "passadinha" no youtube para conferir as novidades. Estou REVOLTADA... acabei caindo no canal de algumas bailarinas que não devia ter caído. E daí nasce a pergunta no coração da estudante: até onde vai a falta de criatividade das bailarinas no quesito MÚSICA.


É isso aí minha gente. Fique O DIA TODO sentada na plateia do Mercado Persa e você vai ouvir músicas como Talakik, Marco Polo, Ah we noss, Entrance of the stars, Tribal dreams umas 20 vezes cada uma.


Mas daí você pode pensar: com um UNIVERSO de música árabe de altíssima qualidade, porque a escolha de algumas bailarinas - professoras - coreógrafas acaba caindo em músicas repetidas? Eu te respondo minha querida habiba: 1. COMODISMO, 2. PREGUIÇA... Pode até ser que a bailarina AME DE PAIXÃO a música e tal, mas se tiver o mínimo de senso crítico e conhecimento dos eventos ao qual aquela coreografia se destina ela vai resolver mudar. Com certeza.

Outro modismo perigoso são os vídeos de dança. Tá no DVD das bellydance superstars? Vai pegar... Tá no DVD das Super Noites do Harém? Vai pegar... Tá no DVD da Rachel Brice? Vai pegar, não tenha dúvida.

Esse comodismo é super perigoso para a estudante de dança, ou mesmo a bailarina profissional. Porque se você opta por utilizar a música da coreografia que está no DVD, você corre o risco de ter mais 20 coreografias com a mesma música que a sua, você se rouba a chance de estudar outras músicas, ritmos, de experimentar coisas novas em músicas diferentes... Fora a dança, que a expectadora vai sempre associar à dança do vídeo. Um exemplo claro é a música moderna do DVD das Super Noites do Harém, que as meninas dançam com o figurino rosa. Acaba que nem que for uma mini-sequência de 3 passos, acaba saindo igual ao DVD. Pra mim que sou krika no úrtimo, matou a coreografia. (Abafa o caso mas já vi, na Mostra Cultural, uma coreografia INTEIRA das Bellydance Superstars ser executada no palco pelas que se chamam "profissas"... medo, muito medo).

Não se roube o direito de conhecer a música árabe... Sua leitura musical vai melhorar, sua criação coreográfica vai melhorar, sua técnica vai melhorar e, principalmente... a expectadora krika agradece!!!!

Bom final de semana!!

16 outubro 2008

3

Divas da Terra Brasilis - Carlla Sillveira


Olá ayunis!!!!

Falar de bailarinas da terra brasilis é um prazer, mas ao mesmo tempo um perigo danado!!! Simplesmente porque se você se atrever a falar que a lantejoula da roupa de fulana está fora do contexto é perigoso sua caixa de e-mails lotar com mensagens mal educadas e grosseiras pois "onde já se viu falar que a lantejoula da fulana está torta, você é que é uma frustrada, mal amada, blá, blá, blá..." De formas que tenho móoooito medo!!

Mas falar da Carlla Sillveira é cair em lugar comum, pois ela é uma uninanimidade! Tem uma leitura musical ímpar, muito impressionante mesmo.

O que mais me chama a atenção em Carlla é que ela trabalha muito o simples - os movimentos considerados "arroz com feijão", porém executados com o máximo de perfeição.

Outra coisa que me encanta na Carlla é que ela não tem receio de repetir. Isso mesmo. Em 90% de suas coreografias tudo o que ela faz para um lado, ela retorna e faz para o outro. Tem muita bailarina que recrimina e diz que a dança se torna "previsível" dessa forma, mas, vamos combinar que expor o lado que tem mais dificuldade de realizar os movimentos, isso meu bem, não é pra qualquer uma não.

E, claro, não dá pra escrever nada sobre a Carlla Sillveira sem citar sua habilidade com o quadril. Seu tremido é SIMPLESMENTE MARAVILHOSO!!!! Acredito que depois da Soraia Zaied é o melhor tremido "em atividade" do Brasil.

Uma coisa que me marcou muito, positivamente é claro, foi um workshop de ritmos que fiz com a Carlla em 2005, e após algumas explicações sobre os ritmos ela disparou à queima roupa: "Não é privilégio de ninguém que não estude". Isso veio de alguém que parece que nasceu sabendo, e ainda batalha pra melhorar, do mesmo jeito que eu e você batalhamos para conseguir nosso lugarzinho ao sol no mercado de dança do ventre. AWESOME!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! SUPERB!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Senhoras e senhores. Com vocês: Carlla Sillveira

15 outubro 2008

0

Feliz dia dos professores!!!


Olá Habibas!

Quero homenagear hoje minhas mestras que, cada uma a seu modo, plantaram a semente maior que foi o amor à dança do ventre! Um grande beijo!!!


Rahiza - Academia Galpão 21

Shahar Badri - Khan el Khalili


Shaide Halim - Beladança Estúdio

Níjme - Studio Níjme

Meu carinho e respeito à todas, e muitas, mas muitas saudades!!!


14 outubro 2008

2

Proposta de Make para Tribal Fusion ou Dança do Ventre


Habibas!

Fiz uma make Preta e roxa como uma proposta para nossas "incursões tribais". Não é tão black assim, então dá pra combinar com aquela sua roupitcha preta, ou mesmo roxa, ou de qualquer cor, pois de acordo com o Marcos Costa, maquiador da Natura:


- Não é a cor que deve usar você, você é que deve usar a cor.



Enjoy!!!!

Caso queiram o passo a passo, me comuniquem via e-mail.


Grande beijo.
0

Não dá pra perder!!!!!!!!!!!!!!!


Gurias,


Não dá pra perder essa oportunidade de ter aulas com uma profissional tão maravilhosa como Dúnia La Luna por... tcharan.... VINTÃO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Quem puder ir, POR FAVOR: não percam!!!

Super beijo.

09 outubro 2008

1

Maquiagem tribal

Hello girls!!!

Uma das coisas que tem me incomodado bastaaaaante nas apresentações de tribal que tenho visto ultimamente não é a qualidade da dança, mas a qualidade da apresentação em geral. É isso mesmo habibas: FIGURINO E MAQUIAGEM.

O que temos visto PREDOMINANTEMENTE de tribal é o estilo Rachel Brice. Mas, muito diferente da Rachel Brice, que tem uma roupas muito doidas, mas olhando de longe dá pra ver que tudo é bem feito e de boa qualidade, as bailarinas brasileiras tem deixado a roupa de tribal muito mais para "trash da dança do ventre". Isso mesmo! Mas não é das roupas que quero falar, e sim da maquiagem.

A maquiagem é black-out. Tudo preto... muito bem!!! Eu pessoalmente adoro! Mas a maquiagem preta é a mais complicada e perigosa de se fazer. Em primeiro lugar porque não permite erros: se borrar vai dar um trabalhão para tirar. Em segundo lugar porque se não houver uma boa fixação, aquele efeito de "creasing" (acúmulo da maquiagem nas pálpebras - perigo iminente, principalmente em festivais, quando ficamos hooooooras maquiadas) vai estragar seu rosto e sua maquiagem, e, finalmente, um produto de má qualidade pode escorrer e ter aquele efeito Mortícia Adams que, convenhamos, ninguém merece!


Resolvi então postar algumas dicas, baseadas na minha pesquisa de maquiagem e materiais, para tentar facilitar a vida de quem quer se aventurar por aí com a maquiagem preta.

1. Use uma boa base para sombras: A melhor base para sombra preta é uma sombra cremosa da mesma cor, ou um daqueles lápis-sombra, acho que o Avon tem. Pra quem compra maquiagem importada, recomendo o NYX Jumbo Pencil, é ótimo e bem cremoso. Caso vc não tenha uma sombra em creme preta, mas tiver uma próxima ao seu tom de pele OTIMO. Só não passe a sombra direto no olho, porque a duração será bem menor, e a pigmentação também não será das melhores.


2. Invista em um pincel de precisão (dica da Marina - 2beauty): um pincel para desenhar no canto interno do olho é fundamental para a make ficar bonita. O melhor, na minha opinião, é o pincel para esfumar da Pro Art. O da Marco Boni também é bom, e tem no Wal-mart, no Extra... Pra quem quer comprar e gastar dinheiro, a melhor opção é o MAC 219SE. Mas prepara o bolso que o bichim é caro...

3. Respeite o formato do seu olho: desenhe no formato de seu olho para uma aparência menos pesada e mais natural.



4. Esfume com uma sombra de outra cor: Não é porque vc virou uma bailarina de tribal que vai jogar no lixo todas as outras sombras!!! Experimente esfumar a sombra preta na área do côncavo com uma sombra de outra cor, vai ficar must. A Sharon Kihara usa bastante uma cor da MAC que se chama "Plum dressing", é um bordô maravilhoso, e dá um efeito muito bonito junto com a sombra preta.



5. Não dispense o uso do iluminador: É habibas! Olho preto sem iluminador fica feio mesmo... Pegue aquela sua sombra branquinha com brilhinhos e passe logo abaixo das sombrancelhas para iluminar.

6. MARQUE SUAS SOMBRANCELHAS. PELO AMOR DE DEUS! Isso, juro, conto nos dedos de uma mão a bailarina que faz. Em 100% dos casos ela está lá, toda maravilhosa de sombra pretona, com a sombrancelha toda falhada... que é isso...

Bom meninas, espero ter ajudado!


Para tutoriais maravilhosos com sombra preta, visitem o site da Marlena: http://www.makeupgeek.com/. Os tutoriais são em inglês, mas os vídeos são super bem feitos, então dá pra seguir os passos direitinho, mesmo sem entender a língua. Se divirtam!!!


Beijão!!!

08 outubro 2008

1

As Maiores Marcas da Dança do Ventre


**** Alta do dólar me deprime... buáaaaaaaaaaaaaaaa **************

Dando uma olhadinha na banca de jornal, notei que a Grazi Massafera tá bombando. Capa de umas 3 revistas, vários comerciais veiculando na mídia, protagonista de novela, enfim.. A imagem da mulher VENDE!!!!

Transportando isso para a Dança do Ventre, passei então a me perguntar: quais são as marcas, as "major brands", as grifes da dança do ventre no Brasil? Aqueles nomes que transmitem confiança e emanam qualidade? Muito bem. Embora a MINHA OPINIÃO PESSOAL não esteja envolvida nisso, diante das minhas andanças no meio, e participações em fóruns e comunidades do Orkut, resolvi elencar algumas marcas que se destacam em nosso meio:

KHAN EL KHALILI - Acredito que é a marca mais forte. Confere selos de "padrão de qualidade" que realmente fazem diferença na carreira de quem os possui. Perdeu força com a dissociação da escola, e também com as várias controvérsias criadas pelo Sr. Jorge Sabongi em suas andanças pelo Orkut (lembram da história das maçãs podres?). Mas como esses dias estão lá no passado, tendem a ser esquecidos e a casa de Chá permanece firme, buscando ser mais forte do que nunca.

LULU SABONGI - É a grife da Dança do ventre. Enquanto bailarina e enquanto professora. Tem uma carreira sólida no Brasil e no exterior, e é a maior "imagem de qualidade" de bailarinas que dançam na terra brasilis. Está buscando a consolidação da marca Shangrilá como escola de dança.

LUXOR - Em matéria de Escolas de Dança é a marca mais forte. Eu pessoalmente sou admiradora do sr. Leonel, porque acho que ele é o maior marketeiro de dança de todos os tempos. Transformou a Hayat em "grande mestra", embora o nível técnico dela seja igual ao de muitas por aí que não se chamam de mestras, quando se separou da Hayat manteve a descrição, para que a marca não fosse comprometida, e hoje trabalha para consolidar a Luxor na liderança. É ainda um grande organizador e eventos e todo ano traz um artista DE PESO do meio. Não é para qualquer um não.

OMAR NABOULSI E BELLYDANCE - Está para o agenciamento de bailarinas no exterior como a Telefônica está para o fornecimento de telecomunicações. Embora existam muitas conversinhas "de esquina" sobre o que as bailarinas realmente fazem quando estão nos países árabes, ele é O CARA a se procurar quando se quer dançar fora do Brasil. Está fortalecendo o selo "Bellydance" enquanto padrão de qualidade, até porque conquistar o tal selo é se tornar visível para o próprio Omar Naboulsi.

TONY MOUZAYEK - É a voz da música árabe no Brasil. A relação das admiradoras de dança com o Tony é bem engraçada. Quando iniciamos na dança, só temos acesso aos CD's do Tony, aqueles que compramos nas bancas e nos supermercados. Ele é a única referência, e amamos de paixão. No avanço do nosso caminhar na dança, passamos então a "torcer o nariz" para o Tony (que é brega, quem dança isso?), e só queremos saber de Om Koulthoum, Fairuz, Farid el Atrashe, Mohamed Abd el Wahab (que são chiques)... Daí então, quando a bailarina quer se estabelecer profissionalmente volta a amar o Tony de paixão, porque quer espaço para dançar nos eventos que ele produz, que, convenhamos, traz muita visibilidade.... viu, como é engraçado?

ATELIE TONY E ROBBY - É IMPRESSIONANTE como uma marca que produz peças caríssimas consegue se manter viva e com força no mercado por tanto tempo. Sim, porque se você pensa que com 500 conto vai vestir um figurino produzido por Robby Moutinho... minha filha... tá muito enganada. Mas o fato é que um grande contingente de bailarinas que atingem um "certo nível" e querem mostrar o seu "upgrade" vão CORRENDO no Robby pra produzir um figurino.

ADELITA CHOHFI - É sempre um prazer falar de Adelita, e ver o quanto a marca "Adelita Chohfi" cresceu no meio de Dança do Ventre. Ela é a fotógrafa das estrelas (incluindo Moi!!! Eehheeheh) e produz ensaios belíssimos. É também uma batalhadora que está na maioria dos grandes eventos de dança fazendo fotos belíssimas e mais importante do que isso: realizando sonhos.

SHAIDE HALIM - É a "major brand" do tribal no Brasil, embora defenda um estilo de tribal que não é o mais popular. Tem uma cia de bailarinas profissionais que encanta platéias no país inteiro - a Cia Halim - , é chamada para ministrar workshops no Brasil e no exterior, e está desenvolvendo vários projetos com grande tendência ao sucesso.

MERCADO PERSA - Em relação à eventos, é a marca mais forte do país. O Mercado Persa é o maior evento de Dança do Ventre da América Latina a despeito dos vários contratempos que enfrenta. O Clube Sírio já está ficando pequeno, os resultados do campeonato nacional várias vezes são considerados manipulados, há quem diga que os destaques são aqueles que pagaram pra se destacar, mas.... quem se importa? O lance é que todo mundo quer estar no palco principal do Mercado Persa!

Acredito que toas estas marcas estão no lugar em que merecem estar, e acho que existem outras que estão na batalha e vão chegar, loguinho, loguinho... mas isso é conversa pra outro dia.


Grande beijo.

06 outubro 2008

0

Se joguem!!!!!!!


Mesmo com o dólar alto, nossa querida Non Pareil Boutique faz a sua parte para continuarmos nossas comprinhas. OU seja: dimimui o preço. EEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!!!!

04 outubro 2008

2

God Save the Queen - Randa Kamel

God save our gracious Queen, - Deus salve nossa graciosa Rainha
Long live our noble Queen, - Longa vida à nossa nobre Rainha
God save the Queen: - Deus salve a Rainha
Send her victorious, - Envie a ela um vitorioso,
Happy and glorious, Feliz e glorioso
Long to reign over us: Longo reino sobre nós
God save the Queen. - Deus salve a Rainha

Às vezes fico me perguntando se eu não estudo demais a Randa Kamel, se não devia dar um espaço a mais para outras bailarinas e tal, mas não consigo... JURO, NÃO CONSIGO achar defeitos nessa bailarina. Ela está lá no meu Olimpo da dança, do ladinho da Naima Akef, Nadia Gamal, Tamallyn Dallal, Orit Maftsir e Soraia Zaied (depois falo do meu Olimpo das bailarinas que dançam na Terra Brasilis, tá?). Mas como temos bastante material dela, principalmente pelo fato de ela ter vindo ao Brasil algumas vezes, ela ocupa muito mais meu tempo de estudo.

Há quem reclame que a Dina não tem postura - a Randa tem...
Há quem reclame que os giros das egípcias não são "clássicos" - a Randa gira belíssimamente bem...
Há quem reclame que as bailarinas do Egito apelam para a vulgaridade - a Randa é sexy na medida certa...
Há quem reclame que o quadril é uma das maiores dificuldades da bailarina - a Randa tem um quadril maravilhoso e soltinho...
Há quem reclame que as bailarinas são caricatas e de expressão "copiada" - a Randa não só dança, como "interpreta" a música, e mesmo não falando árabe a gente meio que "entende" o que ela está dançando...

Enfim... vou ficar falando um monte de como ela é maravilhosa! E é mesmo.

Com vocês: Randa Kamel

01 outubro 2008

2

Professora de Dança do Ventre ou Professora de Maquiagem?



Olá ayunis!!!!

Tenho observado nos últimos tempos o crescimento assustador da oferta de "Workshops para Maquiagem direcionados à Dança do Ventre". É um mercado em franca expansão – a professora que é bailarina está acostumada a se maquiar para os eventos, resolve então juntas as alunas, cobrar seus R$ 50 a R$ 80 e distribuir suas dicas valiosas.

Pera aí!!! Será que o fato de se maquiar sempre para eventos te credencia a cobrar 50 paus, ir pra frente de uma sala dar aula de maquiagem?

É complicado. Eu pessoalmente participei de 3 workshops de maquiagem promovidos por bailarinas, e um sem número de cursos de maquiagem oferecidos por fabricantes: Payot, Boticário, Contém 1g, cursos da Ikesaki... De todos os cursos de fabricantes levei algo que se "aproveitou" no meu modo de maquiar, nem que fosse a forma de segurar um pincel. E de todos os workshops de maquiagem ministrados por bailarinas não aproveitei NADA na minha forma de maquiar. Por que será?

O primeiro motivo é: quem uma bailarina sabe maquiar melhor? Ela mesma, com certeza. Quais os produtos que ela conhece melhor? Os que servem para a pele dela, com certeza. Quais as cores que ela conhece melhor? As que melhor se adequam à cor de sua pele, com certeza. Qual o formato do rosto que ela conhece melhor? O dela, com certeza.

CLARO que tudo isso influencia na forma de maquiar. A maquiagem que funciona melhor em mim não é a que funciona melhor em você, e não será a melhor forma de maquiar a aluna também. Cada pessoa tem um tipo de rosto, um formato de olho, uma cor e um tipo de pele, e tudo isso tem que ser levado em conta na elaboração da maquiagem. Sinceramente habibas, em nenhum workshop de maquiagem promovido por bailarinas NINGUÉM me falou isso.

O segundo motivo é que um MAQUIADOR é um cara preparado justamente porque conhece todo tipo de pele, formato de rosto, enfim, estudou pra isso. Dificilmente você encontra bailarinas que "lecionam" maquiagem que tenham pesquisado MATERIAIS, PRODUTOS, PREÇOS e etc.. Ensinar uma pessoa a se maquiar é também encontrar o produto mais adequado para a pele dela. Se a pele é oleosa, aquela suuuuper base líquida que vc AMA DE PAIXÃO e recomenda pra todo mundo não é a melhor opção para a aluna. Também envolve conhecer o contexto FINANCEIRO do seu público. Ter informações disponíveis sobre preços, pesquisar mesmo. Se uma aluna perguntar o preço de um duo de sombras da Vult, por exemplo, vc saber que os preços variam de R$ 5 a R$ 7,50, dependendo da região. Passar a informação completa. Não é isso que apregoamos em relação à técnica da dança?

Então.. uma informação muito básica em cursos de maquiagem em qualquer lugar que você vá, é que a qualidade da sua maquiagem está diretamente relacionada ao bom manuseio dos pincéis, que são uma ferramenta indispensável para quem quer fazer uma boa make. Qual foi a bailarina que me disse isso mesmo? Ah, tá: NENHUMA.

E o que me deixa mais nervosa ainda são aqueles anúncios: TÉCNICAS EGÍPCIAS de maquiagem para dança do ventre. Via de regra a gente sai com a cara de Cleópatra do Paraguai. É um tal de gente que NÃO TEM o domínio do delineador líquido tentar ensinar a aluna fazer aquele desenho do olhar igualzinho àquela famosa estátua da Nefertiti que pelamordeDeus...

Tirando nomes como GISELE BOMENTRE, MAÍRA MAGNO e a própria SORAIA ZAIED, ninguém mais no Brasil tem condições de ensinar técnicas egípcias de maquiagem. Essas três eu confio porque estiveram lá por mais de, digamos alguns dias, e puderam acompanhar a forma de maquiar dos caras.

Se você quer ter esse diferencial no seu currículo, POR FAVOR: faça um trabalho decente. Faça cursos, pesquise materiais (isso talvez envolva colecionar maquiagem tá – sabe aquela malinha que não cabe mais nada? Apois...), dê a informação completa.

Respeite o rosto de sua aluna. Ensine-a a valorizar os pontos fortes DELA, e não os seus. Ajude-a a encontrar a melhor forma de maquiar com os produtos que ela tem. Faça com que ela aprenda a se sentir uma DEUSA quando terminar sua make, e não uma Cleópatra vinda diretamente do Paraguai.

Ou então faça como eu tenho feito:
Reúno minhas alunas e TROCAMOS EXPERIÊNCIAS. Eu aprendo com elas, elas aprendem comigo. E o respeito que se adquire quando se é capaz de admitir as próprias limitações, sinceramente? Não há dinheiro que pague.

Um chero!!!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...